Como escolher um forno para pizzaria?

forno para pizzaria

Atualmente, as pizzarias no estilo “Napolitanas” estão em alta. Além de ingredientes selecionados, é preciso estar atento a um simples detalhe que muitas vezes passa despercebido: o forno para pizzaria. Afinal, qual forno para pizza você têm utilizado em sua empresa?

Personalizar embalagens, oferecer um atendimento de qualidade e com agilidade é essencial para você manter a sua pizzaria entre as mais bem citadas. Além disso, atualmente, muitas empresas do ramo gastronômico têm aderido ao serviço delivery. Conhecer como o forno para pizzaria funciona, pode ajudar você a prosperar o seu negócio também neste segmento.

Para que sua pizzaria tenha sucesso, não basta estar atento apenas à qualidade dos queijos, altura da massa e a produção do molho de tomate, esses são elementos essenciais para que sua pizza se torne famosa pelo sabor. Manter a atenção às questões mais básicas relacionadas à qualidade do produto, inclui conhecer o mercado de fornos para pizzarias. Entender qual forno para pizza é ideal para o seu negócio, alinhando a questão custo-benefício ao produto que o seu cliente já está acostumado a consumir, é imprescindível neste processo.

Estar sob o controle de tudo que surge no mercado de forno para pizzaria, é, de fato, importante para a sua pizzaria. Afinal, o forno para pizza faz toda a diferença no produto final que é entregue. Até porque, quem resiste a uma deliciosa pizza recém saída do forno? Há quem prefira as assadas em forno à lenha, por outro lado, há quem faça suas críticas a esta forma de preparo. Por isso, citaremos alguns pontos cruciais na hora de você escolher o modelo ideal de forno para pizzaria.

Forno para pizzaria à gás

O diferencial do forno à gás é a praticidade e a baixa necessidade de manutenção. Além de economizar nos processos de higienização, este forno assa pizzas de forma mais rápida e dispensa o funcionário que seria designado para sua manipulação.

Com este forno, a chama se torna regulável e por isso, você conseguirá gerenciar melhor o tempo de preparo para suas pizzas, podendo planejar o número de entregas para um mesmo dia. Estima-se que um forno à gás atinja de 300ºC a 400ºC, o que pode resultar em 90 pizzas assadas por hora.

No entanto, é preciso estar atento aos custos gerados pela utilização do forno à gás. Como já foi dito, este forno dispensa grandes manutenções, porém, por surgir muitos destes modelos, eles acabam sendo fabricados para não ter uma longa duração. Além disso, os custos com o gás de cozinha estão cada vez maiores. É preciso que você mantenha uma organização financeira e regule se esta modalidade de forno vale a pena para o seu negócio.

Forno elétrico

Esta modalidade de forno para pizza é ideal para pequenos estabelecimentos e para quem visa a praticidade no seu negócio. Por depender da energia elétrica, este forno pode gerar custos significativos ao seu empreendimento. Por isso, esteja atento às suas contas e faça um balanço mensal.

Forno à lenha

Quando a pizza é assada em forno à lenha, ela libera vapores que geram a defumação. Este processo é o que gera o sabor inconfundível das pizzas assadas em forno à lenha. Atualmente, este forno é o menos utilizado por seu alto custo de manutenção, mão de obra qualificada e pela necessidade da própria lenha. No entanto, o fato da sua pizzaria aderir ao forno à lenha pode ser crucial para criar uma personalidade à sua marca.

Não perca nenhuma novidade!

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Deixe uma resposta