Entregador de pizza: veja faixa salarial, funções e mais!

Venha ler o nosso artigo para descobrir a faixa salarial e outras informações essenciais sobre a profissão de entregador de pizza!

Sumário

Tempo de leitura: 15 minutos

Saber algumas informações básicas sobre a profissão de entregador de pizza é essencial para evitar problemas. Compreender o seu salário, a sua função no serviço, entre outros pontos, é muito importante. Tudo isso te ajuda a todos os lados a cumprir com aquilo que é considerado obrigação do ponto de vista legal.

Recentemente, o delivery faturou R$ 8,7 bilhões, o que demonstrou todo o potencial desse mercado. Porém, ele só existe por conta dos entregadores, seja com a entrega de pizzas ou de outros alimentos. Em todos os cenários, a presença de um profissional do tipo é algo extremamente necessário para as empresas.

E por isso, é importante que o entregador de pizza conheça seu salário e outras informações mais. Sendo assim, separamos alguns tópicos para garantir que você entenda todos os direitos e outros detalhes sobre a profissão de entregador. Confira!

Quanto ganha um entregador de pizza?

Quando estamos falando sobre entregador de pizza ou qualquer outra profissão, a remuneração logo gera curiosidade. Muitos querem saber quanto é pago para que esses trabalhadores exerçam seu trabalho. Contudo, é interessante entender que, assim como com outros profissionais, os valores acabam variando.

De acordo com a empresa contratante, o valor pode acabar variando de acordo com cada caso. Além disso, é interessante destacar que existem diferentes modelos de pagamento para o profissional. Existem empresas que acrescentam valores a mais de acordo com a taxa de entrega e quilometragem, por exemplo.

Porém, existe uma média nacional que pode ser notada ao analisarmos os números de portais de emprego. Segundo o Glassdoor, o salário de um entregador de pizza, em média, é de R$ 2.002,00, mas, como dissemos, isso pode variar. É interessante negociar a questão da remuneração com que for contratar os seus serviços.

Quer receber mais pedidos pelo WhatsApp da sua pizzaria e aproveitar uma promoção ótima?

Essa é sua oportunidade de ter atendente virtual, um ótimo sistema para os seus garçons, cardápio digital para o delivery, conseguir gerenciar seus pedidos e muito mais por um preço muito especial ! Não dá para perder, né? Preencha o formulário!

Qual é a função do entregador durante o trabalho?

A função do entregador de pizzas, é, basicamente, pegar a carga a ser transportada e levar até o cliente. Ou seja, ele precisa fazer a carga e a descarga do produto, para garantir que seja transportado da forma correta. Com isso, a empresa em que trabalha, e o cliente, contam com um bom grau de satisfação.

É interessante destacar que o entregador de pizzas, em muitos casos, também precisa realizar outros trabalhos. Muitos empreendedores contratam esses profissionais e pedem que eles façam a limpeza do local em determinados dias. Porém, isso se caracteriza desvio de função, e por isso, não é trabalho feito para este profissional.

Por esse motivo, é muito importante entender que a função do entregador é pegar o alimento e levar até o seu destino. Qualquer outro serviço feito além desse, pode ser caracterizado como desvio de função. Conhecer ao menos as principais leis trabalhistas de entregadores te ajuda a evitar passar por esse tipo de situação.

Qual é o nome oficial de quem trabalha como entregador?

nome oficial do entregador, no momento de uma contratação, pode acabar variando em cada pizzaria. Motorista entregador, motoboy, motoboy entregador, ou apenas entregador, são algumas das opções a serem usadas. Independente da nomenclatura, todas elas vão exigir que você exerça as mesmas funções.

O entregador de pizza recebe quanto por dia?

Saber quanto um entregador consegue ganhar por dia acaba sendo algo complicado de maneira geral. Isso porque, isso vai depender da forma como a sua remuneração é feita por parte de quem te contratou. Se você receber por entrega, então, o valor pode ser ainda mais variável, sendo impossível delimitar algo fixo.

Porém, de maneira geral, um entregador de pizza que trabalha constantemente recebe algo entre R$ 80 e R$ 200 por dia trabalhado. Contudo, como já dissemos, é importante destacar que isso acaba variando de acordo com cada trabalhador. Quem está cadastrado no iFood Entrega Fácil tem mais chances de fazer mais entregas, por exemplo.

Em todo caso, se o seu salário é fechado, é possível descobrir quanto se recebe por mês. Para isso, basta pegar a sua remuneração e dividir o valor por 30 para encontrar o resultado. Se o seu salário é de R$ 2.000,00, então, dividido por 30, dá um total R$ 66,66 por dia trabalhado.

Por quantas horas o entregador de pizza trabalha?

O entregador também conta com uma carga horária definida, para garantir o respeito às normas legais. Assim como os outros trabalhadores CLT, ele tem o limite máximo de 44 horas para serviço semanal. Porém, vamos lembrar que no período noturno, a hora contada é menor, logo, o valor real gira em torno de 43 horas semanais.

Contudo, é interessante destacar que isso se enquadra apenas aos entregadores que atuam no regime CLT. Para quem trabalha como MEI, por exemplo, saiba que é você quem faz seu horário de serviço. O mesmo vale para autônomos que não trabalham fichado, já que não existe legislação para esses casos.

Enfim, assim como existe carga horária de restaurante, o mesmo pode ser notado quando falamos de motoboys. É preciso ter respeito ao que é considerado legal, além de também levar em consideração os limites de cada trabalhador. Não adianta nada tentar trabalhar 12 horas por dia se o seu corpo não permite que isso aconteça.

Qual é a diferença de um entregador para um motoboy?

Apesar de serem tratados como sinônimos, motoboy e entregador são duas profissões, no geral, diferentes. Isso porque, o motoboy é aquele que usa a moto para trabalhar, independente da sua função. Geralmente, esse é o único meio de transporte que ele tem disponível, logo, é mais uma obrigação do que uma opção.

Já o entregador, é aquele que usa a moto com a função de fazer entregas, como as pizzas, por exemplo. Em todo caso, o motoboy também pode ser um entregador, afinal, usa a motocicleta para realizar suas atividades. Assim como é interessante saber fazer um checklist para cozinha de restaurante, esses detalhes também são importantes.

Quais são os benefícios de trabalhar como entregador?

Na realidade, quem define os benefícios de se trabalhar como entregador de pizzas é a empresa que te contrata. Ela pode disponibilizar plano de saúde, gympass, entre outras regalias para o trabalhador. Contudo, é interessante entender que isso é diferente dos direitos trabalhistas comuns a todos.

Quem trabalha no regime CLT, tem direito a usufruir de alguns direitos básicos, assim como no caso dos MEIs e autônomos. Porém, no caso de quem é MEI ou autônomo, é preciso que o pagamento de impostos externos estejam em dia. Já para o CLT, basta continuar trabalhando normalmente para poder aproveitar isso.

De toda forma, é interessante conhecer quais são ao menos os principais direitos para quem atua como entregador. São eles:

  • 13º salário;
  • FGTS;
  • INSS;
  • hora extra;
  • salário de acordo com o piso da categoria (no caso dos entregadores, é o salário mínimo que estiver vigente);
  • férias.

O entregador é obrigado a subir até o apartamento do cliente?

Muito se debate sobre o entregador ser obrigado ou não a subir até o apartamento dos clientes durante as entregas. Na realidade, não existe nenhuma lei que faça com que esse ponto seja obrigatório. Mesmo que alguns clientes insistem em dizer o contrário, saiba que não existe nenhum aparato que faça isso ser obrigação.

Além disso, cada prédio conta com suas próprias políticas, e, para evitar problemas, o melhor é que a própria pessoa desça. Dessa forma, a segurança de todos continua alta, e não se corre risco de haver mal entendidos. O ideal é que a própria pizzaria avise aos clientes que o entregador não sobe para realizar entregas, evitando problemas.

De toda forma, algumas pizzarias, para manter os clientes fiéis, orientam o entregador a subir os apartamentos. Contudo, é importante entender que isso é uma política da empresa, e não uma obrigação legal. De toda forma, converse com o empreendedor para entender quais são as políticas de funcionamento do seu negócio.

Como conseguir ser um bom entregador de pizzas?

Para atender o delivery com excelência, é preciso saber como ser um bom entregador, para melhorar o seu serviço. Ao seguir algumas dicas básicas, essa tarefa pode ser feita de maneira muito mais simples. É claro que isso pode ser desafiador para alguns, porém, com pouco tempo, é possível fazer alguns ajustes valiosos.

Por isso, vamos apresentar algumas dicas essenciais para aumentar as suas chances de sucesso na profissão. Elas podem ser repassadas para o entregador durante a contratação, porém, caso isso não tenha sido feito, chegou o momento. Venha conferir!

Educação

Para conseguir ser um bom entregador de pizza, é muito importante que se trate os clientes com a maior educação possível. Dar boa noite, agir de maneira sempre respeitosa, entre outros pontos, é essencial. Facilitar no momento da entrega de alimentos também é algo essencial para o sucesso da profissão.

Esse tipo de postura ajuda o delivery a aumentar as vendas, afinal é o contato que uma empresa tem com o cliente. Por isso, é importante que o entregador haja com educação e respeito com o cliente. Ele é a única forma de contato pessoal que muitos dos compradores vão ter com algum negócio.

Pontualidade

Quando falamos sobre a profissão de entregador, logo pensamos na redução do tempo de espera. Uma pizzaria, ao contratar esse profissional, já espera que ele consiga entregar tudo dentro do prazo. Por isso, é muito importante buscar ser pontual, para garantir a boa realização do seu trabalho como um todo.

Ter uma velocidade de entrega competitiva é essencial para conseguir se destacar dentro da profissão. É claro que tudo isso deve ser feito de forma responsável, sem colocar a sua vida em risco. Além disso, você também depende da agilidade da cozinha, porém, a sua parte também precisa ser feita.

Respeito legal

Para ser um bom entregador de pizza, é essencial que você atue respeitando as leis de trânsito. Se não é permitido fazer determinadas manobras, o melhor a ser feito é evitar que isso seja feito. Isso evita que você seja multado e parado por agentes de fiscalização que podem atrasar o seu pedido.

Em todo caso, entender quais leis seguir também é um ponto importante quando falamos sobre essa atuação. Por isso, certifique-se de que a sua CNH está atualizada e não vai acabar sendo um problema em uma possível abordagem. Todos esses pontos são essenciais para quem pretende trabalhar de maneira responsável.

Segurança

Assim como é importante saber os equipamentos para pizzaria, também é recomendado reconhecer os aparelhos de segurança para entregador. O capacete não pode ficar fora de uso, pois isso coloca a vida do trabalhador em risco. Ser prejudicado por conta de um detalhe desses não precisa ser uma preocupação para você.

Por esse motivo, sempre use os equipamentos básicos e busque fazer a manutenção frequente da moto. Isso garante que ela não vai apresentar problemas de funcionamento no momento em que estiver trabalhando. Além disso, é claro, respeite as leis de trânsito, para não ser multado e ainda colocar a vida em risco.

Esteja conectado

É essencial estar conectado para conseguir realizar o seu trabalho de maneira correta, possibilitando ser rastreado. Isso traz segurança para todos, e evita que os clientes reclamem sobre a falta de transparência. Em todo caso, incentivar a empresa a usar uma ferramenta de integração logística pode ajudar na realização do seu trabalho.

Como vimos, o entregador de pizza conta com uma série de direitos, assim como o trabalhador do mercado. Porém, para que ele realize um bom trabalho, em muitos casos, precisa que seu restaurante também o ajude. Ter as ferramentas certas ao seu lado, para garantir um bom serviço, é algo essencial para qualquer profissional.

E para isso, a Anota AI pode ser muito vantajosa, já que ajuda a sua empresa de diferentes formas. É possível organizar pedidos, automatizar seu atendimento digital, entre diversos outros processos. Tudo isso acaba se refletindo em um tempo de entrega menor, e uma maior organização por parte do entregador.

Gostou do nosso artigo? Então, que tal aproveitar a visita para fazer nosso teste grátis de 7 dias? Faça seu cadastro agora mesmo e dê ao seu delivery um upgrade! Você vai ter cardápio digital, pagamento por pix automatizado, vai conseguir atender todos que entram em contato com o seu delivery ao mesmo tempo e muito mais! Preencha o formulário para ver como é!

Compartilhe o conteúdo nas redes sociais:

Ano novo, vida nova e mais vendas para o seu delivery!

Essa é sua oportunidade de ter atendente virtual, um ótimo sistema para os seus garçons, cardápio digital para o delivery, conseguir gerenciar seus pedidos e muito mais por um preço muito especial ! Não dá para perder, né?
 

Venda pelo WhatsApp

Histórias de Sucesso

Não perca nenhuma novidade!

Assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades.

Já são mais de 15 mil restaurantes com WhatsApp automatizado.

Você quer fazer parte disso?

atendimento com anota ai